terça-feira, 22 de julho de 2008

A vez do Anno Domini - I







Em janeiro deste ano, meu amigo Claudio Brites pensou em mim para ajudá-lo na organização do Anno Domini - Manuscritos Medievais, uma antologia de contos que o Edson Rossatto, da Andross Editora, estava preparando. Foi aí que nossa maratona começou: o Claudio, atrapalhado com os preparativos para o nascimento da filhota Ana Luisa, e eu, lutando contra o tempo na correria diária. Na caixa de entrada do meu Outlook, dezenas e dezenas de e-mails com contos pra avaliar, revisar, msn ligado direto pra conversar com o Claudio, com o Edson, com os autores... No dia 4 de julho, quando a Ana Luisa nasceu, o pdf. do livro finalmente foi para a gráfica. Um trabalho de equipe que exigiu muito fôlego para garantir a boa qualidade dos contos selecionados. Foram 53 no total, numa obra que reuniu 49 autores.
A certeza de que tudo realmente valeu a pena só veio mesmo quando, enfim, vi o livro pronto. E só pude corujar este novo filho na noite de autógrafos em Sampa, dia 19 de julho, na Casa das Rosas.
Acima, tem alguns momentos registrados. A primeira foto mostra a clássica fachada da Casa das Rosas. A segunda traz a simpática autora Monica Sicuro, que veio especialmente do Rio para o lançamento. A terceira: outro autor do Domini, Leandro Radrak, que também é um velho amigo meu (no envelope, havia um presente para mim: o original encadernado de seu livro, Filhos de Galagah). E, por fim, a foto tradicional dos autores na escadaria: ao meu lado, o amigão Silvio Alexandre; logo à frente, de moletom bege, outro amigo, Raphael Draccon (Dragões de Éter), e, atrás dele, de camisa azul, o escritor-cavaleiro Claudio Villa.
Ah, copiei as fotos do orkut de vários autores. É que, como sempre, esqueci de levar a câmera... rsrs

Um comentário:

Grinmelken disse...

Noite inesquecível realmente.
O Domini ficou demais.

Sorte que você não citou minha gafe quanto ao presente... :o/
Me perdoa!!!


Grande Abraço e, agora que descobri seu blog, vou passar sempre por aqui!