segunda-feira, 21 de julho de 2008

Só na lembrança


Imagina uma autora desconhecida lançando um livro fora de sua cidade, com pouca divulgação e ainda mais num lugar distante em Sampa, longe de qualquer livraria conhecida... Foi assim a noite de autógrafos do livro O Arqueiro e a Feiticeira, da saga da Caverna, em 2003. Muito triste mesmo. Não foi ninguém.
Para compensar, a noite de autógrafos, dias depois, na minha cidade, Santos, foi um tremendo sucesso. Gente lotando a pequena e antiga livraria Martins Fontes, no Gonzaga. Só teve um problema: esqueci de levar a câmera fotográfica... rsrs
Hoje, aquela noite incrível ficou só na lembrança. E nem pude registrar o cavaleiro medieval, com espada e escudo, que ficou o tempo todo do meu lado. Como o Silvio Alexandre não achou ninguém que fosse vestido de arqueiro ou de feiticeira, então convocou o escritor Claudio Villa. Super simpático e atencioso como sempre, Sir Claudio encarou a armadura de 13 quilos e desceu a Serra até o litoral para enfrentar o dilúvio que caiu sobre Santos naquela noite...

Um comentário:

Claudio Villa disse...

Oi Helena,

Só tenho a agradecer a lembrança e fico feliz de ter te ajudado. Eu adorava ter de fazer aquele trabalho

Lembro que na época eu já estava escrevendo o "Pelo Sangue e Pela Fé" e vendo aquele povo todo te prestigindo ficava pensando com os anéis da minha armadura se um dia conseguiria chegar ali também.

Lembro também que choveu em bicas e que o Silvio tava preocupado de não aparecer muita gente. No final acabou dando tudo certo e o seu lançamento foi um sucesso.

Que bom que depois de todos esses anos possamos nos reencontrar e agora partilhar a emoção e as dificuldades de ser escritor.

Sucesso para ti, e para todos nós, e espero que você esteja presente no meu próximo lançamento (mas não precisa ir de armadura não tá :-)

Bjs pra ti