segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Bienal – Um demônio enfurecido

Mais literatura fantástica na Bienal: o escritor J. Modesto lançou seu novo livro, Anhangá, a fúria do demônio (Giz Editorial). A história leva o leitor para 300 anos antes da descoberta do Brasil, quando um dos quatro Demônios Elementais é arrastado até as bordas do fim do mundo, direto para o Grande Abismo. É então que surgem para combatê-lo o mouro Mohamed e o sábio Pajé, tudo isto em meio a uma interminável guerra entre as tribos Tupiniquins e Tupinambás numa terra distante da civilização, uma certa Pindorama (ou seja, nosso futuro Brasil...). E eu, que deixei para comprar o livro no último dia, não consegui! E ainda fiquei sem o autógrafo do Modesto...

Nenhum comentário: